Participação do GESD no 6o Camporee Sul foi um sucesso!


Por Bruna Pioli

Entre os dias 16 e 20 de janeiro de 2019 o Grupo Escoteiro Santos Dumont 20/PR participou do 6º Camporee Sul – Um Universo de Possibilidades. O Camporee é um grande acampamento que acontece de 4 em 4 anos na região Sul do Brasil e é destinado principalmente para os ramos Escoteiro, Sênior e Pioneiro do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, mas com a presença de convidados de outros estados como São Paulo e Rio de Janeiro. Nesse ano, o evento aconteceu na cidade de Soledade, localizada a 216 km a Noroeste de Porto Alegre.

A saída da delegação do GESD para a atividade foi em 15 de janeiro. Éramos em 62 pessoas entre jovens e escotistas. À meia-noite, dois ônibus lotados pegaram a estrada com destino a Soledade. A cidade é conhecida por ser uma importante zona de extração de pedras preciosas, principalmente de ametista.

Logo na chegada, no dia 16, descobrimos que as chuvas intensas dos dias anteriores forçaram a organização do evento a mudar os locais dos subcampos sêniores, mas isso não foi motivo de desânimo. Com a montagem do campo concluída todos foram prestigiar a cerimônia de abertura do evento, regada à dança e música gaúcha.

Do dia 17 ao 19 foram aplicadas as atividades, o módulo do CyberPunk 2030, Estação Intergaláctica, dia no Parque das Tuias, Escoteiro das Galáxias, Jóias do Infinito e Trabalho Comunitário. No Grande Jogo – CyberPunk 2030 o objetivo dos jovens era construir um barco para alcançar o prêmio localizado no meio do lago, para isso deveriam conquistar recursos nas bases espalhadas pelo campo. Cada base foi inspirada em um dos objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) instituídos pela ONU e surpreenderam pela criatividade.

A Estação Intergaláctica contou com diversas atividades culturais e de entretenimento como Capoeira, Reciclave (música através do lixo), Serigrafia, Quadribol e uma das maiores novidades do Camporee, a qual impressionou diversos participantes: o Planeta Rainbow. Nessa base todos os ramos puderam participar de dinâmicas e conversas sobre inclusão, diversidade, comunidade LGBTQ+, gênero, entre outros assuntos. Muitos jovens se emocionaram e essa foi umas das iniciativas mais legais do acampamento.

No tão esperado dia do Parque das Tuias – Waterworld meio período foi destinado à piscina e tobogãs e meio período aos jogos dentro do parque, como Pedalinho, Cabo de Guerra e Futebol Americano. Teve ainda para o Ramo Escoteiro o módulo Escoteiro das Galáxias e para o Ramo Sênior as atividades do Jóias do Infinito. Ambos os módulos dividiam as bases, mas somente sêniores e guias participaram do jogo final, o qual rendeu muito assunto e um sênior do GESD no hospital (com distensão dos ligamentos do polegar, mas felizmente ele passa bem).

A atividade exclusiva dos pioneiros foi um dia de trabalho comunitário nas propriedades da região. Eles foram divididos em grupos e cada um ficou responsável por uma tarefa, entre elas ajudar em chácaras de agricultura familiar, orfanatos, abrigo de animais, construção de casas, etc.

Além disso, o cronograma continuava cheio durante a noite. No dia 17 os escoteiros e escoteiras do GESD participaram da Noite do Cosplay, os sêniores e guias do Jogo Noturno e os pioneiros participaram de uma grande vigília. Já no dia 18 todos os presentes se divertiram na Festa Geral – Aurora Austral, com direito a apresentação de malabarismo, Akira DJ e pintura neon.

Um aspecto muito presente no acampamento foi a chuva, que não faltou em nenhum dia. Muitas barracas acabaram molhando e até sendo levadas pelos fortes ventos, mas a organização conseguiu abrigar todos os que precisaram em alojamentos. Felizmente, a maior parte da delegação do GESD não teve problemas com as tempestades de Soledade.
Além do mais, está tudo bem quando acaba bem e o encerramento do Camporee não deixou nada a desejar, com música, dança e uma emocionante Canção da Despedida. Ainda mais legal foi que um escoteiro da tropa Titan do GESD, William Segalla Kalluf, o milésimo inscrito no JamCam, subiu ao palco e ganhou um kit com presentes.
Logo após o encerramento, embarcamos de volta para Curitiba e contabilizamos mais 10 horas de viagem, com a despedida na sede do grupo.
Finalizo com um agradecimento especial ao staff, a chefia e a organizadora da delegação do GESD, chefe Priscila da Paz Vieira. Foi uma experiência inesquecível!

Agora, iniciam os preparativos do GESD rumo ao Jamboree Mundial 2019 nos EUA e ao Jamboree – Camporee PanAmericano (Jamcan) 2020, em Foz do Iguaçu! A gente se encontra lá!

Momento do encerramento do 6º Camporee Sul

William Kalluf recebendo seu prêmio por ter sido o milésimo inscrito.

Clã de Pioneiros com um sorriso de orelha a orelha!

Delegação do GESD no regresso a casa!

  • Compartilhe:

Últimos Eventos

Escoteiros do Brasil - Educação e lazer para crianças e jovens