Páscoa Solidária

Por Mariana Mazur Lor Dambrós

É uma tradição da tropa Titan ir acampar no feriado da Páscoa. No entanto, este ano foi diferente. Cada um ficou em sua casa para descobrir como diferentes tradições religiosas passam a Páscoa e relembrou o seu verdadeiro significado.

A nossa atividade contou com a descoberta de como os luteranos alemães, mórmons, judeus e católicos orientais de rito bizantino (ucranianos) celebram a páscoa. Cada patrulha contou com a ajuda de um especialista para preparar sua apresentação:

  • Sophia Anna D’Haese Roennfeldt nos falou sobre a tradição alemã de pintar ovos e pendurá-los em árvores, as Osterbaum;
  • Amanda do Nascimento Oliveira nos contou sobre a tradição dos cupcakes e as velas, que representam a luz para encontrar Jesus, um jeitinho especial de comemorar a páscoa para os mórmons;
  • Fernando Brodeschi nos apresentou o Kearat, um prato especial de páscoa para os judeus, com 6 alimentos: ovo, osso, raízes amargas, pasta de maçã, raiz vegetal não amarga, ervas amargas;
  • e Claudiane Piaceski Pontes nos contou sobre o significado das pêssankas (vida, saúde e prosperidade) e a importância da benção dos alimentos para os católicos ucranianos.

Finalmente, a atividade concluiu com a preparação do nosso presente de Páscoa: todos escreveram cartas para idosos e profissionais da saúde como um sinal de amor fraterno nesse tempo difícil. Esse foi um convite que recebemos da Instituição Amor Fraterno que está coordenando ação para levar carinho, força e agradecimento a esses dois públicos. Também resolvemos escrever uma carta especial para os familiares da Tropa Titan que estão trabalhando nos serviços essenciais.

Na minha opinião foi uma atividade muito legal, reforçando o quão importante é lembrar a simbologia que a páscoa nos traz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *