MutCom GESD 2021

O MutCom é o “apelido” que damos ao Mutirão Nacional Escoteiro de Ação Comunitária. É uma atividade de mobilização nacional que tem por objetivo promover a integração e a colaboração dos Escoteiros do Brasil com a sociedade.

O Grupo Escoteiro Santos Dumont realizou diversas atividades vinculadas ao MutCom em 2021 e uma delas foi muito especial, pois envolveu todo o Grupo.

Recentemente as manchetes dos jornais foram dominadas pela situação delicada no Afeganistão.  Sensibilizados pela dor de muitos afegãs, nosso Grupo se somou à campanha de arrecadação de produtos de higiene pessoal, liderada pela Igreja Presbiteriana de Curitiba, que irá receber 10 famílias refugiadas, em torno de 110 pessoas.

Durante o mês de setembro a Família GESD recebeu as doações. O resultado foi um sucesso: 214 escovas de dente; 293 pastas de dente; 416 sabonetes; 153 shampoos/condicionadores e 136 outros itens. No dia 9 de outubro alguns jovens, escotistas e pais fizeram a entrega na sede da Igreja, no centro de Curitiba.

Estar “Sempre Alerta” para ajudar o próximo: esse é o nosso lema e o nosso compromisso! Nosso desejo é que as famílias afegãs que virão à Curitiba sejam bem recebidas e que possam reconstruir suas vidas com amor e paz.

GESD prepara Festa Julina e Fogo de Conselho

No dia 3 de julho de 2021 a Família GESD se reuniu para um encontro especial: Festa Julina e Fogo de Conselho. A atividade marcou o encerramento do semestre, mas também, marcou a fraternidade escoteira que nosso Grupo constrói há quase 63 anos.

Todas as bandeiras foram hasteadas para a abertura geral, afinal de contas, é justo comemorar que, apesar da pandemia, nosso Grupo manteve ativa suas atividades. Como toda boa festa julina, teve bingo, com direito a “prenda” para os que fizeram cartela cheia – famílias Kalluf, Pedrón e Zinher adoraram os brindes!!!

Sem comida não é festa, não é mesmo? Por isso uma base, bem docinha, foi especialmente dedicada para a preparação de uma pipoca mateira. E finalmente, uma base bem artística, garantiu as lanternas que utilizamos para a segunda parte da nossa atividade.

Nosso encontro concluiu com um Fogo de Conselho, que iniciou com várias mensagens de carinho do “Correio Elegante GESD”. Além disso, demos boas risadas com a esquete, preparada por jovens de todas as seções e escotistas, que nos ajudou a relembrar que apesar de o escotismo ser bem velhinho (já são 104 da fundação por Baden Powell) nossa promessa escoteira nunca sai de moda, jamais será “cringe”. E claro, para reforçar que acreditamos que logo estaremos juntos, nossa noite encerrou com a Canção Despedida ao som do violão e da gaita de boca, um presente dos chefes Giovanni Pedrón e Osmar Ponchirolli e do escoteiro Henrique Pedrón.

Agora, vamos recuperar energias e renovar esperanças de que logo estaremos pertinho e fazendo tudo que mais gostamos no escotismo: acampar, brincar, fazer amigos…

Slide do PowerPoint que possui todas as bandeiras do grupo.

Clã elege nova COMAD

Por Bruna Pioli, diretora de Comunicação do Clã Pioneiro Santos Dumont

No sábado, dia 4 de julho, o Clã Pioneiro Santos Dumont realizou o Conselho de Clã. Porém, adequados a nossa realidade atual, o Conselho foi 100% online!

Criamos um formulário virtual para fazer a avaliação do ciclo que passou e da gestão da Comissão Administrativa (COMAD). Nessa fase do Movimento Escoteiro, os pioneiros são os responsáveis pela administração da seção, planejamento e execução das atividades, com o apoio dos escotistas, chamados de Mestres Pioneiros.

As respostas foram muito positivas. Também tomamos decisões importantes sobre o novo ciclo, como eleger os novos integrantes da COMAD. Também decidimos a nossa ênfase do segundo semestre de 2020: Espiritualidade. Os pioneiros e pioneiras consideraram esse um ponto importante a se tratar neste período de distanciamento social e pandemia.

Nosso Conselho foi a prova de que os pios continuam dedicados e dispostos a seguir ao máximo o programa educativo do ramo. Não poderíamos deixar de agradecer à COMAD do primeiro ciclo e aos mestres, que tiveram papel essencial na continuidade das nossas atividades.

Com a nova gestão eleita e o calendário de atividades encaminhado, esperamos ansiosos o ciclo 2020/2, que promete ser tão bom quanto o primeiro.

Fica, ainda, o desejo de que logo possamos nos encontrar pessoalmente. Por enquanto, #fiqueemcasa.

SERVIR!

Afinal, o que é SERVIR?

Por Maiara Miotti Cunha

No dia 09/05, o Clã Pioneiro Santos Dumont realizou sua atividade semanal rotineira durante a quarentena através de uma videochamada. Nesta ocasião, o tema central do fim de semana foi uma competência de caráter, com o seguinte item: “Ler e debater com seu clã, ou com outros clãs, usando a bibliografia escoteira recomendada para o Ramo, sobre o verdadeiro significado de ser pioneiro e do lema ‘Servir’, e sugerir formas variadas e interessantes de ação no momento atual”.

O Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa define como “servir” um verbo de significados como:

  1. Ajudar, auxiliar;
  2. Prestar serviços;
  3. Ser favorável, favorecer.

Dentro do escotismo e do clã pioneiro, o lema do ramo remonta a um acontecimento histórico. Em 1346, na Batalha de Crécy (Guerra dos Cem Anos), o rei João Luxemburgo, da Boêmia, foi morto em combate após vitória da Inglaterra. Sua nobreza e dedicação surpreenderam Eduardo, o Príncipe Negro, de Gales, que retirou seu escudo do local e o preservou com três plumas de avestruz, em formato semelhante a uma flor de lis. Nesse mesmo escudo, constava a inscrição ICH DIEN (“eu sirvo”, do alemão antigo), que inspiraria Baden Powell a considerar a herança dessas palavras como digna de ser portada por todos aqueles que demonstram com honra o espírito de ser um verdadeiro pioneiro.

Por sua vez, “pioneiro”, segundo o livro Clã Pioneiro em Ação, diz respeito àquele que:

  1. Pratica o serviço aos outros como uma forma de construir um mundo melhor;
  2. Viaja pelo mundo para conhecer e transformá-lo e, nesse processo, também se transforma;
  3. Compromete-se a viver os valores da Promessa e Lei escoteiras.

Em 1917, Baden Powell usou o termo “roover” para denominar o novo ramo que incentivava os jovens a manterem vínculos com o escotismo por iniciativa própria e a delinear projetos para suas vidas. A ideia expandiu-se até que em 1922 foi publicado o livro “Roovering to Success”. No Brasil, foi traduzido por Bonifácio Antônio Borba e lançado em 1939 com o nome “Caminho para o sucesso”, no qual recebeu a denominação de ramo pioneiro.

Com a apresentação desses conceitos, bem como a aplicação de diversas dinâmicas relacionadas ao tema, o clã conseguiu criar um momento interessante de troca de experiências pessoais e percepção do impacto dos valores escoteiros (ou mais especificamente, pioneiros) diariamente na construção de vidas e de um mundo melhores. Ao que diz respeito na última linha sobre “formas variadas e interessantes de ação no momento atual”, foi proposto um desafio pelos organizadores da atividade de 7 metas, uma para cada dia da semana, com pequenos gestos a serem feitos em tempos de pandemia, mas que demonstram da mesma forma o verdadeiro significado de “Servir”.

Referências:

O LEMA PIONEIRO. Disponível em: http://grupoescoteirojabuti.org.br/index.php/pioneiros/a-mistica-do-cla/o-lema-pioneiro/. Acesso em: 19 maio 2020.

 

RAMO Pioneiro. Disponível em: https://www.escoteiros.org.br/ramo-pioneiro/. Acesso em: 19 maio 2020.

CLÃ Pioneiro em Ação. 2018. Documento oficial elaborado pela União dos Escoteiros do Brasil. Disponível em: https://www.escoteiros.org.br/wp-content/uploads/2019/06/Cla_pioneiro_em_acao.pdf. Acesso em: 19 maio 2020.